More Trio Gaviões do Nordeste »"/>More Trio Gaviões do Nordeste »" />
Uma Revista criada em 2001
pelo jornalista, músico e poeta paraibano
Antônio Carlos da Fonseca Barbosa.

Trio Gaviões do Nordeste


Gaviões do Nordeste é um Trio de Forró Pé de Serra, formado em 1987 e ao longo dos anos passou por várias formações, estiveram na sua primeira formação: Biu Machado, (acordeon e vocal), Gavião (zabumba e vocal) e Jordão (triângulo e vocal). E gravou oito álbuns e passando por várias gravadoras: Arca Som, C.M.A. Discos, Somaj Discos, M.C.K.

Após o falecimento do acordeonista Biu Machado (Benedito Dias de Lima, Rio Largo – Alagoas) e Lagoinha da Zabumba (José Mauro dos Santos, Maribondo – Alagoas), O Trio Gaviões do Nordeste, é liderado pelo cantor, compositor e percussionista Ailton Martins, que é acompanhado pelos músicos: Djacir do Acordeon (Francisco Djacir da Silva de Sousa); Zé Wilson (José Fagundes Irmão) na zabumba e voz e Guia do Cavaco (Cezar Augusto Dias Leal).

Ailton Martins começou sua vida artística em Caruaru, cidade pernambucana de grande riqueza cultural. Os artistas que o influenciou: Azulão de Caruaru, Jorge de Altinho, Jacinto Silva, Onildo Almeida, etc. Enquanto morou em Caruaru participou de programas de calouros e de festas culturais. Em 1983 mudou-se para São Paulo e continuou seu trabalho de divulgar o Forró Pé de Serra em diversos espaços: Casa de Forró, Centros Culturais, Festas, etc.

O Trio já se apresentou em Pernambuco, Paraíba, Sergipe, Bahia, Alagoas, Rio de Janeiro e São Paulo. No CTN – Centro de tradições nordestinas de São Paulo e em muitos outros salões que acolhem o Forró, além de programas de rádio e de televisão regionais. O trio interpreta grandes sucessos de Luiz Gonzaga, Trio Nordestino, Dominguinhos, Os 3 do Nordeste, além do seu próprio repertório que é vasto. Alguns álbuns do Trio Gaviões do Nordeste estão disponíveis no http://www.forroemvinil.com/tag/gavioes-do-nordeste/

Segue abaixo entrevista exclusiva com Ailton Martins do Trio Gaviões do Nordeste para a www.ritmomelodia.mus.br, entrevistado por Antonio Carlos da Fonseca Barbosa em 22.04.2021:

01) Ritmo Melodia: Qual a sua data de nascimento e a sua cidade natal?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Nasci no dia 20.06.1964 em Agrestina – PE, onde passei minha infância e no início da adolescência fui morar em Caruaru – PE. E fui registrado como Ailton Herculano Martins. A formação atual do Trio: Ailton Martins (voz e triângulo). Djacir do Acordeon (Francisco Djacir da Silva de Sousa, nasceu no dia 27.08.1964, em Boa Viagem – Ceará), Zé Wilson na zabumba e voz (José Fagundes Irmão, nasceu no dia 20.01.1951 em Lagarto – SE) e Guia do Cavaco (Cezar Augusto Dias Leal, nasceu no dia 16.08.1966 em São Paulo – SP).

02) RM: Fale do seu primeiro contato com a música.

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Meu primeiro contato com a música foi em um programa de calouros, Expresso da Alegria, na extinta Rádio Difusora de Caruaru, onde hoje se encontra o Jornal do Comércio.

03) RM: Qual a sua formação musical e/ou acadêmica fora da área musical?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Fui metalúrgico em uma fábrica de parafusos e fixadores metálicos em geral, por 34 anos em Diadema – SP.

04) RM: Quais as suas influências musicais no passado e no presente. Quais deixaram de ter importância?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Azulão de Caruaru, Jorge de Altinho, Jacinto Silva, o rei Luiz Gonzaga e outros do segmento do Forró.

05) RM: Quando, como e onde você começou a sua carreira musical?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Comecei em 1983 em São Paulo participando de Trios de Forró tocando Triângulo e no vocal, na década de 80. Eu trabalhava na metalúrgica na semana e tocava nos finais de semanas, em Casas de Forró.

06) RM: Quantos CDs lançados?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: O Trio Gaviões do Nordeste que hoje represento já teve várias formações, iniciou com Biu, no acordeon/sanfona e vocal; Jordão, no triângulo e vocal; Gavião, no zabumba e compositor. Em 1987 o primeiro álbum. Em 1988 o álbum “Forró de ouro”. Em 1990 o álbum “Dando olé no forró”.

Em 1993 o álbum “Pintando o sete”. Em 2000 o álbum “Dona do meu coração”.

Em 2002 o álbum “No forró ninguém fica sem amar”. Em 2008 o álbum “Os Grandes Sucessos”. Em 2009 o álbum “Em Dose Dupla”. Os álbuns tiveram participações: Geraldo Sanfoneiro, Bastinho Calixto, Edson Duarte, Trio Juazeiro, entre outros.

08) RM: Você estudou técnica vocal?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: No início foi na prática e com o passar do tempo fiz aulas de canto.

09) RM: Qual a importância do estudo de técnica vocal e cuidado com a voz?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Mais técnica para cantar e recursos vocais.

10) RM: Quais as cantoras(es) que você admira?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Luiz Gonzaga, Flávio José, Marinês, Azulão de Caruaru, Roberto Carlos, Trio Nordestino, etc.

11) RM: Como é o seu processo de compor?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Inspiro-me em fatos do passado e do presente e histórias que escuto para criar minhas músicas.

12) RM: Quais são seus principais parceiros de composição?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Minhas composições não têm parcerias.

13) RM: Quais os prós e contras de desenvolver uma carreira musical de forma independente?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Não têm interferência na escolha do repertório, porém temos que usar nossos próprios recursos financeiros.

14) RM: Quais as estratégias de planejamento da sua carreira dentro e fora do palco?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Procuro fazer o meu melhor, para agradar a todos.

15) RM: Quais as ações empreendedoras que você pratica para desenvolver a sua carreira?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Divulgação em rádio, TV e redes sociais.

16) RM: O que a internet ajuda e prejudica no desenvolvimento de sua carreira?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: A internet é uma mão na roda, só ajuda.

17) RM: Quais as vantagens e desvantagens do acesso à tecnologia de gravação (home estúdio)?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: A vantagem é praticar mais para chegarmos no melhor resultado quando vamos gravar.

18) RM: No passado a grande dificuldade era gravar um disco e desenvolver evolutivamente a carreira. Hoje gravar um disco não é mais o grande obstáculo. Mas, a concorrência de mercado se tornou o grande desafio. O que você faz efetivamente para se diferenciar dentro do seu nicho musical?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Procuro fazer uma música autêntica, raiz o que a diferencia e agrada o público amante do Forró Pé de serra.

19) RM: Como você analisa o cenário do Forró. Em sua opinião quem foram às revelações musicais nas últimas décadas e quem permaneceu com obras consistentes e quem regrediu?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: O cenário do Forró autêntico é mais rígido, por isso são poucas as revelações, porém consistente e não vai acabar jamais.

20) RM: Quais os músicos já conhecidos do público que você tem como exemplo de profissionalismo e qualidade artística?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Dominguinhos, Osvaldinho, Mestrinho, Sivuca, meu amigo Heleno dos 8 baixos, entre outros.

21) RM: Quais as situações mais inusitadas aconteceram na sua carreira musical (falta de condição técnica para o show, brigas, gafes, show em ambiente ou público tosco, cantar e não receber, ser cantado etc)?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Já aconteceu de tudo citado na pergunta. Tocar e não receber, falta de condições técnicas para o show, brigas, etc.

22) RM: O que lhe deixa mais feliz e mais triste na carreira musical?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: O que me deixa feliz é fazer o que gosto, tocar e cantar. E fico triste com os baixos cachês e calotes.

23) RM: Quais os prós e contras do Movimento do “Forró Universitário” no Sudeste?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: É um movimento que traz os jovens para o Forró com sanfona, zabumba e triângulo. E festivais de Forró com muita alegria é o que falta no Nordeste.

24) RM: Quais os prós e contras do Movimento do Forró de Banda dos anos 90?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: As bandas de Forró contribuíram com o Forró tradicional, porque atraíram os jovens, criaram novas coreografias e tocaram músicas dos grandes mestres.

25) RM: Quais os prós e contras do Movimento do Forró Estilizado dos anos 2000?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: É um estilo que se diferencia do Forró tradicional, têm seu público, porém acredito ser modismo, usa o nome de Forró, mas é passageiro.

26) RM: Você acredita que sem o pagamento do jabá as suas músicas tocarão nas rádios?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Depende da rádio.

27) RM: O que você diz para alguém que quer trilhar uma carreira musical?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Digo que o Sol nasce para todos, se está no sangue, é estudar, acreditar e seguir em frente.

28) RM: Quais os prós e contras do Festival de Música?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Os prós de Festival de Música é oportunidade para se promover e os contras é promover quem não merece.

29) RM: Hoje os Festivais de Música revelam novos talentos?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Quase sempre não.

30) RM: Como você analisa a cobertura feita pela grande mídia da cena musical brasileira?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Depende de quanto se pode pagar de jabá.

31) RM: Qual a sua opinião sobre o espaço aberto pelo SESC, SESI e Itaú Cultural para cena musical?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: É um espaço maravilhoso para os artistas apresentarem seus trabalhos.

32) RM: Quais os seus projetos futuros?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: Dar continuidade ao grande projeto iniciado pelo Rei do Baião, Luiz Gonzaga.

33) RM: Quais seus contatos para o show e para os fãs?

Trio Gaviões do Nordeste | Ailton Martins: (11) 95479 -3175 | [email protected]

| https://web.facebook.com/ailton.herculanomartins

| www.instagram.com/ailton.herculanomartins

Canal: https://www.youtube.com/channel/UCj-IQMxmnGqNAMCF5JjXMQw

Live Solidária Gaviões do Nordeste em live solidária em 31 de março de 2021 Diadema – SP: https://www.youtube.com/watch?v=4uaQmPWTGMA

Live Solidária Gaviões do Nordeste em live solidária em 31 de março de 2021 Diadema – SP: https://www.youtube.com/watch?v=QW0GQ3UeZRI

Live Solidária Gaviões do Nordeste em live solidária em 31 de março de 2021 Diadema – SP: https://www.youtube.com/watch?v=CQ1zFcyoXa0

Resto de Amor (Cecéu) por GAVIÕES DO NORDESTE (Biu, Lagoinha e Ailton Martins): https://www.youtube.com/watch?v=oxtVQ_0CzGk

Gaviões do Nordeste participação especial Edson Duarte: https://www.youtube.com/watch?v=KOySx6oyeKs

Playlist: https://www.youtube.com/watch?v=NJ3zqTum0oo&list=PLMhNGLmrp1HIlXnsIbdnuvpHntbuHyK3T

Playlist: https://www.youtube.com/watch?v=jCXqKIoaNJI&list=PLMhNGLmrp1HL-d45oupLtH9Vo8IGdKoX0

Gaviões do Nordeste 1987 Lp Completo: https://www.youtube.com/watch?v=vCnd0V_Dsco

Programa Espalha Brasa #9 – Gaviões do Nordeste (ao vivo): https://www.youtube.com/watch?v=fZkgyOgEXsQ

LP Gaviões do Nordeste de 1987: https://www.youtube.com/watch?v=vCnd0V_Dsco

Trio Juazeiro 1993 A volta do Trio Juazeiro Lp Completo: https://www.youtube.com/watch?v=-EiNYa60Xho

https://www.youtube.com/watch?v=vCnd0V_Dsco

 

 

 


Deixe um comentário

*

Uma Revista criada em 2001
pelo jornalista, músico e poeta paraibano
Antônio Carlos da Fonseca Barbosa.