More Rafael Duaity »"/>More Rafael Duaity »" />
Uma Revista criada em 2001
pelo jornalista, músico e poeta paraibano
Antonio Carlos da Fonseca Barbosa.

Rafael Duaity

Rafael Duaity, em 2020 lançou o álbum ao vivo “Rafael Duaity e Banda Ao Vivo no Estúdio Show Livre”. E mais pra frente lançou o álbum “Cantos Sessions Acústico”, gravado durante a quarentena da pandemia do covid-19 de forma simples e intimista.

Durante a quarentena iniciou o projeto “Rafael Duaity Convida”, lives semanais de entrevista/bate papo pelo Instagram que tiveram convidados como: Luciana Mello, Pedro Mariano, Bruna Caram, Babi Xavier, Karin Hils (Banda Rouge), Patrícia Coelho, Graça Cunha, Dan Tores, Jhean Marcell (Banda Broz), Bianca Jhordão, Thais Nascimento, Daniel Carlomagno, Quelynah, Francinne, Miranda Kassin, entre outros. Ainda em 2020 participou do Festival UP, o maior festival On-line da América latina, com 4 canções de seu repertório.

Em 2021, lançou oficialmente o projeto piano e voz “Rafael Duaity Canta Rita Lee & Pitty” em parceria com o pianista Rodolfo Schwenger (Dos musicais: Crazy For You, Chapline Mudança de Hábito). Em 2022, recebeu convite da Poesis e Fábricas de Cultura para palestrar sobre “Cuidados com a voz” e realizar Pocket shows da Turnê “Ariano”.

Seu segundo álbum de estúdio está em processo de gravação pela Fábrica de Cultura, com composições autorais e canções dos compositores consagrados: Jair Oliveira, Kiko Zambianchi, Arnaldo Saccomani, Thais Nascimento.

Segue abaixo entrevista exclusiva com Rafael Duaity para a www.ritmomelodia.mus.br, entrevistado por Antonio Carlos da Fonseca Barbosa em 04.11.2022:

01) Ritmo Melodia: Qual a sua data de nascimento e a sua cidade natal?

Rafael Duaity: Nasci no dia 09/04/1987 em Lins – SP. Registrado como Rafael de Almeida Santos.

02) RM: Fale do seu primeiro contato com a música.

Rafael Duaity: Canto desde os 9 anos de idade. Por parte de mãe, quase todos são músicos.

03) RM: Qual sua formação musical e/ou acadêmica fora da área musical?

Rafael Duaity: Autodidata. Nunca fiz aula de absolutamente nada. Mas pretendo, estudar sempre.

04) RM: Quais as suas influências musicais no passado e no presente. Quais deixaram de ter importância?

Rafael Duaity: Sou muito fiel com meus gostos e influencias, dificilmente descarto isso. Rita Lee e Cazuza pra sempre. E mais “atuais”, Pedro Mariano, Jay Vaquer, Christina Aguilera, Liah Soares, Melanie C, e as da minha adolescência que também me formaram muito, Sandy, Wanessa Camargo.

05) RM: Quando, como e onde você começou sua carreira musical?

Rafael Duaity: Comecei profissionalmente de 16 para 17 anos, me apresentando com uma amiga no Clube do Palmeiras. Depois disso fiz bastante shows autorais, e bares para ganhar bagagem musical.

06) RM: Quantos CDs lançados?

Rafael Duaity: O primeiro de estúdio: “Uma Breve História”, outro ao vivo pelo Estúdio Show Livre. E alguns caseiros como: “O Canto Sessions”. E os EPS: “Musicalia urbana”, “Rafael Duaity Canta Cazuza”, “Rafael Duaity Canta Rita Lee & Pitty”.

07) RM: Como você define seu estilo musical?

Rafael Duaity: Odeio rótulos, acho que isso limita a gente. Eu costumo dizer que eu passeio pelo Pop, MPB, Rock, Folk.

08) RM: Você estudou técnica vocal?

Rafael Duaity: Nunca tive a oportunidade.

09) RM: Qual a importância do estudo de técnica vocal e cuidado com a voz?

Rafael Duaity: Estudo de técnica vocal é 100% necessário. O instrumento vocal é importante não só para quem canta, mas para todos. Precisamos da nossa voz também para viver e nos expressar.

10) RM: Quais as cantoras (es) que você admira?

Rafael Duaity: Rita Lee, Cazuza, Pedro Mariano, Jay Vaquer, Christina Aguilera, Liah Soares, Melanie C, Elis Regina, Pitty, Sandy, Wanessa Camargo.

11) RM: Como é seu processo de compor?

Rafael Duaity: Não existe um processo. Mas sou mais produtivo a noite, sei lá porquê. Tudo é inspiração de alguma forma. Seja algo pessoal, que eu vivi ou que alguém me contou. Vida, amores, desamores, amizade…

12) RM: Quais são seus principais parceiros de composição?

Rafael Duaity: Eu tenho poucas parcerias. Vem aumentando cada vez mais. Amigos queridos da música independente.

13) RM: Quais os prós e contras de desenvolver uma carreira musical de forma independente?

Rafael Duaity: O lado bom é que você tem autonomia pra fazer e aceitar aquilo que você acha certo e quer fazer. O lado ruim, é que tudo é dinheiro. OU seja, conseguir apoio sendo independente é muito mais difícil.

14) RM: Quais as estratégias de planejamento da sua carreira dentro e fora do palco?

Rafael Duaity: Espalhar o máximo possível minhas canções e projetos, no máximo de veículos que eu conseguir. Levar o que acredito para o maior número de pessoas.

15) RM: Quais as ações empreendedoras que você pratica para desenvolver a sua carreira musical?

Rafael Duaity: Eu sou meu próprio empresário e assessor. Tento me atualizar sempre para entender como o mundo musical está funcionando, marketing, público e por aí vai.

16) RM: O que a internet ajuda e prejudica no desenvolvimento de sua carreira musical?

Rafael Duaity: A internet mais ajuda que atrapalha. É sem dúvida uma das maiores ferramentas da atualidade para levar o som para as pessoas. Mas também se encaixa na questão de falta de apoio. Por mais que quase todas tenham acesso à internet, ainda assim é preciso dinheiro para promover e alcançar mais pessoas. É complicado…

17) RM: Quais as vantagens e desvantagens do acesso à tecnologia de gravação (home estúdio)?

Rafael Duaity: Não tem exatamente uma desvantagem. Mas ficou mais frio. Porque os arranjadores quase não têm mais trabalhos. Tudo meio que ficou eletrônico. Sinto falta de pessoas rodeando e criando, não só máquinas.

18) RM: No passado a grande dificuldade era gravar um disco e desenvolver evolutivamente a carreira. Hoje gravar um disco não é mais o grande obstáculo. Mas, a concorrência de mercado se tornou o grande desafio. O que você faz efetivamente para se diferenciar dentro do seu nicho musical?

Rafael Duaity: Eu faço a minha verdade. Canto e componho o que gosto. E assim goste quem tiver e quiser gostar. A chave, pra mim, é ser autentico consigo mesmo. As pessoas vão perceber e subir na sua onda.

19) RM: Como você analisa o cenário da Música Popular Brasileiro. Em sua opinião quais foram as revelações musicais nas últimas décadas? Quais artistas permaneceram com obras consistentes e quais regrediram?

Rafael Duaity: Jamais vou opinar sobre o trabalho de outro colega. Pois, conheço a batalha independente de qualquer coisa. Mas acho que: Priscilla Alcantara, Glória Groove, Silva, Jão, são grandes revelações, por exemplo.

20) RM: Quais as situações mais inusitadas aconteceram na sua carreira musical (falta de condição técnica para show, brigas, gafes, show em ambiente ou público tosco, cantar e não receber, ser cantado etc)?

Rafael Duaity: A pergunta já respondeu (risos). Teve tudo citado na pergunta. Já quebraram equipamento meu por estarem tão animados e dançando próximo ao palco. Já invadiram palco querendo cantar, tantas coisas…(risos).

21) RM: O que lhe deixa mais feliz e mais triste na carreira musical?

Rafael Duaity: Feliz é de ver a galera tomar minhas canções para elas e darem suas próprias interpretações, isso é lindo. Triste, a falta de apoio aos artistas independentes, sempre.

22) RM: Existe o Dom musical? Como você define o Dom musical?

Rafael Duaity: Tem que ter o dom, esse é o princípio. Não que não exista a possibilidade de fabricar um artista. Mas não é nem nunca será de verdade.

23) RM: Qual é o seu conceito de Improvisação Musical?

Rafael Duaity: Amo improvisar. Isso faz o artista crescer, mostrar quem é e evoluir.

24) RM: Existe improvisação musical de fato, ou é algo estudado antes e aplicado depois?

Rafael Duaity: Claro que existe a improvisação de fato e no ato. Eu e todos que tocam ou já tocaram em Bar que o digam.

25) RM: Quais os prós e contras dos métodos sobre Improvisação musical?

Rafael Duaity: Para improvisar tem que ter segurança no acerto e no erro. Saber se sair bem em ambos.

26) RM: Quais os prós e contras dos métodos sobre o Estudo de Harmonia musical?

Rafael Duaity: Não existe contras. Estudar só faz crescer e evoluir.

27) RM: Você acredita que sem o pagamento do jabá as suas músicas tocarão nas rádios?

Rafael Duaity: Não, como disse mais de uma vez aqui, TUDO É DINHEIRO.

28) RM: O que você diz para alguém que quer trilhar uma carreira musical?

Rafael Duaity: Estude e acredite, não desista. Você vai ser alguém. Pode não ser o alguém que você gostaria, mas você terá suas conquistas.

29) RM: Festival de Música revela novos talentos?

Rafael Duaity: Sempre, festivais são alguns dos berços da música.

30) RM: Como você analisa a cobertura feita pela grande mídia da cena musical brasileira?

Rafael Duaity: A cobertura feita pela grande mídia da cena musical brasileira é especifica, no sentido de que só divulgam quem paga ou quem está bombando.

31) RM: Qual a sua opinião sobre o espaço aberto pelo SESC, SESI e Itaú Cultural para cena musical?

Rafael Duaity: São sensacionais. Porem muito difíceis em muitas vezes para artistas novos ou sem empresário. Mas amo os três.

32) RM: Quais os seus projetos futuros?

Rafael Duaity: Estou gravando disco novo. E quero rodar o Brasil com meu show autoral, e os projetos: “Rafael Duaity Canta Cazuza”, “Rafael Duaity Canta Rita Lee e Pitty”.

33) RM: Quais seus contatos para show e para os fãs?

Rafael Duaity: [email protected] | https://www.instagram.com/rafaelduaity

https://open.spotify.com/artist/6HcmJNUlja0X4fblQztn9q

https://www.facebook.com/rafaelduaityoficial

Canal: www.youtube.com/rafaelduaity

Release Rafael Duaity – https://www.youtube.com/watch?v=M5AyIhZVb3s

Rafael Duaity – O Infinito (Clipe Oficial): https://www.youtube.com/watch?v=PcoYt0W1Ygk

Ando meio desligado/Admirável chip novo – Rafael Duaity Canta Rita Lee & Pitty: https://www.youtube.com/watch?v=_-2Q3cXaw-s

Playlist Álbuns, EPs, Singles: https://www.youtube.com/watch?v=pzphhoh_orY&list=PLvgc4RLt656d3ErqorefVL_ZQ91h72eeA

Rafael Duaity – Projeto Ariano – Edital Aldir Blanc 2021 Extrema MG:

https://www.youtube.com/watch?v=jXoC6q0UhlQ&list=PLvgc4RLt656fjebXlxcTIY2Ma7opp-f_B

RAFAEL DUAITY canta CAZUZA – O tempo não para: https://www.youtube.com/watch?v=kzuwNxvEZ3g

Playlist Rita e Pitty: https://www.youtube.com/watch?v=Qnu-1kzcDNQ&list=PLvgc4RLt656ckS7-jW_v09zsRLD5DxkmU

Deixe um comentário

*

Uma Revista criada em 2001
pelo jornalista, músico e poeta paraibano
Antonio Carlos da Fonseca Barbosa.