Darcy Marolla

Darcy Marolla 1 Entrevista - Música - Revista Ritmo Melodia
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Tempo de Leitura: 7 minutos

O baterista e professor paulista Darcy Marolla cursou Licenciatura em Educação Artística pela Faculdade Mozarteum de São Paulo FAMOSP pós-Graduação em Educação Musical pela Universidade Cruzeiro do Sul – UNICSUL. Cursou Bateria e Percussão, sob a orientação do mestre Dinho Gonçalves no Conservatório Musical Souza Lima. Especialização em bateria com Albino Infantozzi, Magno e Beto Caldas na Escola de Bateria DRUM.

Trabalhou como baterista e percussionista para: Grupo Musical Santo Angellu’s, Luiz Ayrão, Banda Texas Show, Ataíde e Alexandre, César e Paulinho, Roberta Miranda, Banda Nevada, Terraço Itália, Coral Vivart, Coral Del Chiaro Cantareira, Vitória Coral e Orquestra, Coral Ciambarella, Coral Signatori per caso, Mozart Eventos, Banda BSH, Banda Sognatori per Caso, Midivan Pop Jazz, Banda Luminy, Banda Venus Flash Back.

Como Professor de Bateria e Percussão trabalhou na: Pró-Art Escola Livre de Música, Escola de Bateria DRUM, Conservatório Musical João Paulo II, Associação Amigos do Projeto Guri, Conservatório Musical In Concert (Professor e Coordenador dos Cursos de Bateria e Percussão). Proprietário, Diretor Pedagógico e Professor da DM 1 Música e Tecnologia – Escola de Música.

Darcy Marolla foi Técnico de Monitoramento (Supervisor) em Percussão do Projeto Guri (AAPG). Coordenador de Curso em Oficinas Culturais e Casas de Cultura: Oficina Cultural Luiz Gonzaga , Oficina Cultural Alfredo Volpi, Casa de Cultura da Penha, Casa de Cultura de São Miguel Paulista e Casa de Cultura de Bertioga.

Darcy Marolla é autor dos métodos: BATERIA Curso Completo em 07 Volumes contendo: Básico 1, Básico 2, Rudimentos, Ritmos Brasileiros,Ritmos Latinos,Jazz e Funk. Lançado pela Editora Keyboard. Escreveu peças para Bateria e Percussão : Country, Rock, Rap, Baião, Axé e outros títulos. Colunista em revistas especializadas Batera e Percussão, Modern Drummer Brasil, colaborador em sites especializados: www.batera.com.br. Ministrou Cursos, palestras e congressos: Bandinha Rítmica (Forte das Artes), Curso de Regência – maestro Lazslo Marosi, I Seminário Osesp de Educação Musical, I Seminário Projeto Guri: ação sociocultural e educação musical, Curso EAD do Projeto Guri/Ufscar, Curso EaD do Projeto Guri em Percussão Erudita. É Endorsee dos produtos das empresas: RMV – Bateria, Ferragens e Peles para Bateria, TORELLI – Percussão e acessórios,
ORION – Pratos para bateria e percussão, SPANKING – Baquetas, CABOS MP – Cabos para áudio e microfonação, ESTOJOS JB – Estojos para Bateria e Percussão, POWER CLICK – Monitoramento, PELES LUEN BY DUDU PORTES- Peles para Bateria, EDBATUCK – Luthier de tambores para bateria e percussão.

Segue abaixo entrevista exclusiva com Darcy Marolla para a www.ritmomelodia.mus.br, entrevistado por Antonio Carlos da Fonseca Barbosa em 08.11.2019:

01) RitmoMelodia: Qual a sua data de nascimento e a sua cidade natal?

Darcy Marolla: Nascido no dia 11.06.1961 em Araraquara – SP.

02) RM: Fale do seu primeiro contato com a música.

Darcy Marolla: Ouvindo discos na vitrola e assistindo programas de TV, com destaque para o seriado de TV com o grupo The Monkees.

03) RM: Qual a sua formação musical e\ou acadêmica fora da área musical?

Darcy Marolla: Estudei Bateria e Percussão com mestre Dinho Gonçalves no Conservatório Souza Lima e na área acadêmica cursei Educação Artística na Famosp.

04) RM: Quais as suas influencias musicais no passado e no presente. Quais deixaram de ter importância?

Darcy Marolla: Comecei a tocar influenciado por The Monkees, posteriormente grupo Queen. A partir daí, cada fase do aprendizado vai se modificando e se adaptando a novos conhecimentos. Tudo tem sua importância no momento. Até hoje nada deixou de ser importante.

05) RM: Quando, como e onde você começou a sua carreira musical?

Darcy Marolla: Comecei a tocar profissionalmente no “Porão Bar” no bairro da Penha em 1981.

06) RM: Cite alguns discos que você já participou?

Darcy Marolla: Participei esporadicamente de algumas gravações, mas o LP marcante foi o do Festival Fampe com meu grupo Terra Nova. No estilo MPB.

07) RM: Como você define seu estilo como Baterista? Você toca outro instrumento musical?

Darcy Marolla: Sou baterista e percussionista eclético. Minha formação foi e ainda é tocar em grupo de baile. Gosto de tocar e estar sempre praticando todos os gêneros musicais. Não toco outros instrumentos.

08) RM: Quais as principais técnicas que o Baterista deve se dedicar?

Darcy Marolla: Primeiramente aquecimento e alongamento das mãos e pés. Depois exercícios técnicos na borracha de estudo, como por exemplo, toques simples e duplos. Estudos de leitura rítmica, coordenação motora e principalmente dinâmica.

09) RM: Qual a importância do Baterista equilibrar a função de condução e de solista?

Darcy Marolla: O Baterista e percussionista tem o papel fundamental de conduzir o ritmo. Quando for solicitado, o solo pode ser feito de acordo com o estilo da música, podendo ser um solo curto ou um solo mais longo, como realmente sendo um destaque!

10) RM: Quais os principais vícios técnicos ou falta de técnica têm alunos e alguns bateristas profissionais?

Darcy Marolla: A falta de técnica vem da falta de estudos para tocar as músicas. Normalmente eles querem primeiro tocar a música e depois estudar.

11) RM: Quais as principais características de um bom Baterista?

Darcy Marolla: Dedicação diária nos estudos, precisão, dinâmica, leitura e repertório.

12) RM: Quais são os Bateristas que você admira?

Darcy Marolla: Steve Gadd e mestre Dinho Gonçalves.13) RM: Existe uma indicação correta para escolher uma Bateria? Cada gênero musical necessita uma bateria especifica?

Darcy Marolla: Sim. Conforme o local que se vai tocar, o estilo musical, vai influenciar a escolha do tipo de pele, das baquetas, dos pratos da Bateria.

14) RM: Qual a marca de Bateria da sua preferência?

Darcy Marolla: Existe marca ideal para cada gênero musical ou é preferência pessoal?

Darcy Marolla: Uso RMV. Essa marca atende todos os gêneros musicais. Pode-se fazer uma adaptação da configuração do kit conforme o estilo musical e a necessidade do baterista.

15) RM: Quais os prós e contras de ser professor?

Darcy Marolla: Prós: Prazer, satisfação, reconhecimento e dedicação à pesquisa. Contras: Alta rotatividade de alunos causando instabilidade financeira.

16) RM: Nos apresente os seus métodos de estudo de Bateria?

Darcy Marolla: Curso de Bateria em sete volumes: Básico 1, Básico 2, Rudimentos, Funk, Ritmos Brasileiros, Jazz e Ritmos Latinos.

17) RM: Quais os prós e contras de ter uma escola de música exclusiva para Baterista?

Darcy Marolla: Como todo empreendimento a gestão é o principal desafio.

18) RM: Quais os prós e contras de unir ao kit padrão da Bateria outros instrumentos de percussão formando uma “percuteria”?

Darcy Marolla: Prós: Na percuteria você reúne os instrumentos conseguindo uma gama de timbres, conforme sua necessidade e estilo musical. Contras: Tem que saber tocar bateria e percussão para obter um resultado satisfatório.

19) RM: Quais instrumentos de percussão que você ensina na sua escola musical?

Darcy Marolla: O curso é voltado ao estudo de ritmos brasileiros, ritmos latinos, leitura, técnica de caixa clara. Existe uma utilização de instrumentos característicos para facilitar o entendimento e aplicação. Percussão Brasileira: Surdos, caixas, tamborim, pandeiro, triangulo, zabumba, tan tan, etc… Latina: Timbales, Congas, Bongo, Claves, etc..

20) RM: Existe o Dom musical?

Darcy Marolla: Sim. Uma Percepção mais aguçada.

21) RM: Você compõe música instrumental?

Darcy Marolla: Componho peças para percussão e bateria.

22) RM: Quais os prós e contras de ser músico freelancer?

Darcy Marolla: Prós: Tocar com vários músicos diferentes, aumentando a possibilidade de aprendizado de vários estilos musicais. Contras: É um tipo de trabalho sem garantia trabalhista e com caches alternados, uns bons e outros nem tanto.

23) RM: Quais os prós e contras de ser músico de estúdio de gravação?

Darcy Marolla: Prós: Tocar com vários músicos diferentes, comprovando o conhecimento de vários estilos musicais, em teoria e prática. Satisfação em ouvir os trabalhos gravados em CDs e nas diversas plataformas digitais. Contras: Se não tiver prática em leitura e metrônomo terá uma enorme dificuldade na gravação. Com isso perderá muito tempo para “resolver” a gravação.

24) RM: Quais bandas que já participou?

Darcy Marolla: Grupo Musical Santo Angellu’s; Luiz Ayrão; Banda Texas Show; Ataíde e Alexandre; César e Paulinho; Roberta Miranda; Banda Nevada; Terraço Itália; Coral Vivart; Coral Del Chiaro Cantareira; Vitória Coral e Orquestra; Coral Ciambarella; Coral Signatori per caso; Mozart Eventos; Banda BSH; Banda Sognatori per Caso; Midivan Pop Jazz; Banda Luminy; Banda Vênus Flash Back.

25) RM: Quais os prós e contras de tocar em uma única banda?

Darcy Marolla: Prós: Afinidade musical, amadurecimento coletivo, melhor presença de palco. Contras: Desgaste do relacionamento, confronto de ideias e opiniões.

26) RM: Quais principais dificuldades de relacionamento que enfrentou em bandas?

Darcy Marolla: Diferenças técnicas de nível musical.

27) RM: Quais principais dificuldades que enfrentou acompanhando artistas famosos?

Darcy Marolla: Muitas vezes a qualidade do equipamento de som não é compatível com o show, prejudicando o desempenho do artista e consequentemente da banda que o acompanha. Isso gera um desconforto muito grande entre o artista e os músicos.

28) RM: Quais as estratégias de planejamento da sua carreira dentro e fora do palco?

Darcy Marolla: Estudos técnicos para o aprimoramento no instrumento e um bom relacionamento e contato com vários músicos.

29) RM: Quais as ações empreendedora que você pratica para desenvolver a sua carreira?

Darcy Marolla: Divulgação em redes sociais.

30) RM: O que a internet ajuda e prejudica no desenvolvimento de sua carreira?

Darcy Marolla: A internet é uma fonte para pesquisas e atualizações.

31) RM: Quais as vantagens e desvantagens do acesso a tecnologia de gravação (home estúdio)?

Darcy Marolla: Vantagem: Rapidez e conforto. Desvantagem: Acaba dispensando músicos e produtores, por questões de espaço físico e financeiras.

32) RM: No passado a grande dificuldade era gravar um disco e desenvolver evolutivamente uma carreira musical. Hoje gravar um disco não é mais o grande obstáculo, mas a concorrência se tornou o grande desafio. O que você faz efetivamente para se diferenciar dentro do seu nicho musical?

Darcy Marolla: Minha experiência, o meu conhecimento (estudo técnico, pesquisa, material didático), dedicação e gostar do que faço.

33) RM: Como você analisa o cenário musical brasileiro. Em sua opinião quem foram às revelações musicais nas duas últimas décadas e quem permaneceu com obras consistentes e quem regrediu?

Darcy Marolla: Eu estou sempre acompanhando lançamentos, programas de Rádio, TV, tanto da grande mídia quanto da mídia alternativa. Os que estão na grande mídia todos conhecem, mas acho que sempre vale a pena conferir programas alternativos para conhecer e apreciar novos talentos. Tem muita gente boa por aí. Não vou citar nomes porque certamente esquecer-me-ei de alguns.

34) RM: Quais os músicos já conhecidos do público que você tem como exemplo de profissionalismo e qualidade artística?

Darcy Marolla: Serginho Herval do grupo Roupa Nova.

35) RM: O que lhe deixa mais feliz e mais triste na carreira musical?

Darcy Marolla: Minha felicidade é estar no palco tocando vários ritmos, viagens, enfim, todo o processo para a minha realização. E também o que me alegra é ver a realização do público, enfim, estamos fazendo o nosso trabalho para a diversão alheia! No campo educacional, minha alegria é ver a evolução e satisfação dos alunos. E volta e meia, alunos antigos postarem um agradecimento público. É uma forma de alegria e reconhecimento.
O que me deixa também muito feliz e satisfeito é o apoio das empresas patrocinadoras. Também é motivo de orgulho e reconhecimento. O que entristece é na maioria das vezes, as baixas remunerações e condições adversas e desconfortantes de trabalho.

36) RM: O que você diz para alguém que quer trilhar uma carreira musical?

Darcy Marolla: Estude! Estude muito!

37) RM: Quais os seus projetos futuros?

Darcy Marolla: Aulas on line, You Tube, site, etc… muita informação.

38) RM: Quais os contatos da sua Escola Musical?

Darcy Marolla: (11) 99223 – 9843 | [email protected]

Link: https://www.youtube.com/channel/UC-P-CZ5AYW-GlVPRb_mygLA
| https://www.youtube.com/watch?v=KWaIMgVbta8

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Tagged
Antonio Carlos Da Fonseca Barbosa

Antonio Carlos Da Fonseca Barbosa

Criador e Editor Responsável pela revista Ritmo Melodia desde 2001, músico, letrista e poeta paraibano Antonio Carlos da Fonseca Barbosa, sempre se preocupou em divulgar a música (popular, regional, instrumental e erudita) com entrevistas e artigos sobre os músicos e artistas brasileiros.