Continua após a Publicidade
Categorias: Mercado Musical

Quem inventou a Música?


Maíla Campozana lanço aqui uma pergunta: Quem inventou a música? O homem? A natureza?

Isso eu não sei, mas com certeza foi uma das melhores invenções, se não a melhor. A música comunica, desabafa, alegra, faz pensar, marca, lembra, vende.

Música deveria ser obrigatória em todos os lugares: ponto de ônibus, metrô, estacionamento de shoppings, hospitais, escolas e também em outros ambientes.

Entrar em algum lugar silencioso gera uma impressão de que se está sendo avaliado, se tem alguma outra pessoa desconhecida junto é ainda pior. O silêncio afasta. Se o ambiente está sonorizado, o clima fica leve. Se a música for de qualidade, melhor ainda. Música é sentir-se bem.

O fato de ser algo livre, de expressão, criação – coletiva ou não, é que me preocupa um pouco. Abrir a boca e deixar as palavras saírem não é música. Música precisa de harmonia, de coerência, precisa passar uma mensagem.

A edição tem que ser bem feita, os volumes equalizados, a masterização elaborada com cuidado, não é juntar tudo e mixar de qualquer jeito. Cada som tem sua importância, seu motivo de estar ali. Se for assim, a música contagia. A mensagem é passada e a energia renovada. Não sei se é necessário saber quem inventou a música. Concorda?

Maíla Campozana: é sound designer, vídeo maker, dubladora, radialista, locutora, programadora e idealizadora de diversas sonoridades corporativas.

Por Maíla Campozana | www.depiericomunicacao.com.br


Continua após a Publicidade
Antonio Carlos Da Fonseca Barbosa

Criador e Editor responsável pela revista digital RitmoMelodia desde 2001, jornalista, músico, poeta paraibano Antonio Carlos da Fonseca Barbosa, propaga a diversidade musical brasileira através de entrevistas e artigos. Jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba - UEPB (1996 a 2000) que lançou um livro de poesia em 1998 e seus poemas ganharam melodias gravadas em três álbuns concluindo a trilogia "reggae baseado em poesia" no seu projeto musical Reggaebelde. Unindo a sensibilidade do poeta, músico com o senso crítico do jornalista e pesquisador musical colocado em prática em uma revista que Canta o Brasil.

Disqus Comments Loading...
Publicado Por
Antonio Carlos Da Fonseca Barbosa

Artigos Recentes

Músicas de Gilberto Gil mais consagradas, segundo os dados do ECAD

Gilberto Gil: 80 anos, canções mais tocadas e “amor” como a palavra mais repetida em…

% dias atrás

Quinta Essentia Quartet

Com sete álbuns gravados entre participações e trilhas completamente feitas pelo grupo, o Quinta Essentia…

% dias atrás

Gilberto Gil é o “Pelé” da Música do Brasil

Por Antonio Carlos da Fonseca Barbosa Gilberto Gil, chega aos 80 anos de idade (26/06/2022)…

% dias atrás

Paulinho Akomabu

Há mais de 20 anos, Paulinho Akomabu, iniciou a sua carreira, mais precisamente no Centro…

% dias atrás

Mauricio Grassmann

Mauricio Grassmann estudou violão popular e erudito, cello, toca guitarra synth, e é muito mais…

% dias atrás

Alfredo Del-Penho

Alfredo Del-Penho, é músico, arranjador, ator, compositor e pesquisador. Em 20 anos de carreira, tem mais…

% dias atrás
Continua após a Publicidade

Este website usa cookies.