João Gonçalves – Rei do Duplo Sentido

Uma carreira de 32 anos, doze discos de vinil, quatro CD’s na praça e mais de mil músicas gravadas sintetizam um pouco da carreira artística do compositor e cantor,João Gonçalves – O rei do duplo sentido, que está lançando novo trabalho – Ontem e Hoje, produção independente, gravado no Art Studio, que reúne antigos sucessos e novas músicas

Ele já foi chamado “cantor do minhocão” por causa da grande repercussão, em nível nacional, da música “Pescaria em Boqueirão” e “rei do duplo sentido”, uma referência às letras que compõe para os seus discos e para os forrozeiros que cantam suas músicas. No novo trabalho que está lançando “Ontem e Hoje” – o quarto CD de uma carreira de 32 anos somados aos doze discos de vinil, João Gonçalves, mantém a mesma linha, apimentando as letras no ritmo de forró. O CD tem 20 faixas, sendo cinco inéditas: “Eu tô p. da vida”, “Carente de você”, “Minha letra z”, “Forró massa” e “Tá faltando tu”.

As composições são do cantor e em parceria com José Moisés, Ajalmar Maia, Zezé Martins, Zé Bezerra, Messias Holanda, Adolfinho, Cerny Furtado e Genival Lacerda. Como o próprio nome do disco diz – Ontem e Hoje, reúne os sucessos do passado e as novas músicas, seguindo o mesmo estilo.

No ano passado, João Gonçalves lançou um disco também independente, mas chegou a passar quatro anos sem gravar nenhum trabalho, apesar de continuar compondo. Pois, antes mesmo de ser cantor, ele era compositor. A carreira começou em 1970, quando Joacir Batista, Messias Holanda, Genival Lacerda e Trio Nordestino despertaram para o grande talento do compositor. Nesta época, um dos grandes sucessos de Genival Lacerda – “Severina xique-xique”, letra de João Gonçalves, estourou em todo o país, enfatizando a sua característica do duplo sentido.

Em 1976, João Gonçalves decidiu começar a cantar, mas manteve suas composições para o também “rei da muganga” – Genival Lacerda. Outros sucessos vieram nas músicas “Mate o véio” e “Galeguinha do zoi azú”. Dominguinhos não ficou de fora e conseguiu gravar duas músicas que vieram a ter uma boa repercussão, como “Um lugar ao sol” e “A verdade dói”. Amazan gravou “Picolé”, Biliu de Campina fez sucesso com outras composições, o Trio Danado de Bom, que está lançando novo CD com 10 faixas de João Gonçalves e o forrozeiro Ton Oliveira, que no disco que está lançando, a música estourada nas rádios “Locadora de mulher” é de autoria de João Gonçalves.

Contatos: (83) 3335-6867 \  8878 – 1377

O que achou? Comente aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*